Como o design de interiores pode te abrir oportunidades profissionais

 Em Blog

Essa área tem crescido muito, na medida em que a demanda de espaços cada vez mais personalizados e únicos aumentou bastante, especialmente nas regiões mais urbanizadas.

O designer de interiores faz a composição visual do espaço, deixando-o singular, estético e bonito. Tudo isso, sem esquecer das questões ecológicas.

O que eu preciso para ser um design de interiores? 

É verdade que esse ramo está cheio de prestígio social e de oportunidades profissionais, mas é preciso escolher com cautela: a área exige qualificação, noções de estética e de harmonização, criatividade e um olhar humanizado. Esse profissional deve ter um olhar treinado para trabalhar com cores, texturas, luzes, formas, traços etc.

Hoje em dia, esses serviços são muito mais requisitados e, portanto, tornaram-se mais acessíveis ao público, o que faz sua demanda aumentar.

Uma boa opção para se qualificar são os cursos técnicos da Escola Art & Design, que oferece aulas sobre Design de Interiores, Decoração de Interiores e muito mais. Confira clicando aqui.

 Como esse profissional trabalha? 

O designer de interiores recria espaços, faz projetos para os clientes e precisa estar atento a seus desejos e suas necessidades. É bastante comum que escritórios de arquitetura, lojas de decoração, imobiliárias, construtoras e afins contratem esses profissionais.

Eles também podem optar por ser autônomos e abrir o próprio negócio. Para isso, precisam de espírito empreendedor, conhecimento de planilhas, contas e orçamentos, habilidades de vendas e negociações, capacidade de administração burocrática e de gerenciamento de projetos, entre outros requisitos.

Quais são as oportunidades profissionais para essa área?

O designer de interiores pode planejar e organizar espaços internos, harmonizar acessórios e objetos, dentre outros. Esse profissional é capacitado para, entre muitas outras coisas, projetar móveis e paginação de revestimentos para paredes e pisos. Seu trabalho visa a deixar o ambiente mais funcional e elegante.

Além disso, o design de interiores pode se especializar em espaços residenciais pequenos ou grandes, em casas para idosos ou portadores de necessidades especiais e em automação residencial.

Caso o profissional prefira trabalhar para empresas, poderá realizar projetos para lojas, pousadas e hotéis, albergues, resorts, restaurantes e até mesmo para o ramo cenográfico, projetando exposições, stands, passarelas, quiosques etc.

Na área corporativa, o profissional pode trabalhar com consultórios, galerias, escritórios, academias, escolas, foodtrucks, centros de estética e muito mais.

Também há oportunidades profissionais para designer de interiores que optam  pelas áreas de decoração e outros ramos afins.

O salário de um designer de interiores é muito variável. Por exemplo, caso o profissional se especialize nas áreas comerciais, as comissões podem fazer seu salário ser ainda mais alto, em comparação com o ganho de um designer autônomo. A capacidade de administração e de expansão empresarial também podem influenciar o salário desse profissional.

Esperamos que você tenha gostado desta matéria. O site tem muito mais coisas interessantes para você acessar. Não deixe de comentar sua opinião e de tirar suas dúvidas.

Postagens recentes